• Delator diz que chefe da Casa Civil do Paraná recebeu R$ 100 mil em campanha para deputado em 2014
  • MPPR em Guarapuava recomenda a prefeitura turno integral como padrão
  • Sala de Fisioterapia é concluída em Palmital
  • Presidente do PSL contratou empresa de filho na eleição
  • TCE-PR determina suspensão de licitação de Sarandi para a pintura de escolas
15.02 - SEXTA-FEIRA
15/02
15h00m
Delator diz que chefe da Casa Civil do Paraná recebeu R$ 100 mil em campanha para deputado em 2014

O ex-diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) Nelson Leal Júnior afirmou em delação premiada que o chefe da Casa Civil do governo do Paraná, Guto Silva (PSD), recebeu R$ 100 mil em dinheiro vivo para a campanha eleitoral de 2014, quando foi eleito para o cargo de deputado estadual. O pagamento foi citado por Leal na delação anexada ao processo da Operação Integração, que investiga irregularidades nos contratos de pedágio do Paraná. LEIA MAIS

15/02
14h47m
MPPR em Guarapuava recomenda a prefeitura turno integral como padrão

Em Guarapuava, no Centro Sul do estado, o Ministério Público do Paraná expediu nesta quinta-feira, 14 de fevereiro, recomendação administrativa ao prefeito da cidade para que garanta como regra a oferta de vagas para período integral na educação infantil na rede municipal. A medida foi adotada após vários pais procurarem o MPPR, neste início de ano letivo, noticiando que a prefeitura reduziu as vagas em turno integral, situação que fere diversos dispositivos da Constituição Federal e do Estatuto da Criança e do Adolescente. LEIA MAIS

15/02
14h18m
Sala de Fisioterapia é concluída em Palmital

A obra orçada em R$ 156.000,00 (cento e cinquenta e seis mil reais) foi construída com recursos do Governo do Estado do Paraná através do Deputado Federal reeleito Fernando Giacobo. A obra de aproximadamente 200 metros quadrados, tem 04 consultórios, banheiros, sala de recepção, sala para agendamento de consultas e ampla sala de fisioterapia.

15/02
10h40m
Presidente do PSL contratou empresa de filho na eleição

Luciano Bivar gastou R$ 250 mil do fundo eleitoral com a Nox Entretenimentos; Procuradoria Eleitoral de Pernambuco vê necessidade de apuração por 'possível desvio de finalidade' O deputado federal Luciano Bivar (PE), presidente nacional do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, gastou R$ 250 mil provenientes do fundo eleitoral para contratar a empresa de um dos seus filhos durante a eleição de 2018. Sediada em Jaboatão dos Guararapes (PE), cidade a cerca de 20 quilômetros do Recife, a Nox Entretenimentos está registrada em nome de Cristiano de Petribu Bivar. Foi o segundo maior gasto da campanha dele. Informações são do Estadão. LEIA MAIS

15/02
10h28m
TCE-PR determina suspensão de licitação de Sarandi para a pintura de escolas

O despacho, de 17 de janeiro, foi homologado na sessão do Tribunal Pleno do TCE-PR de 6 de fevereiro. Com a suspensão, foi aberto prazo de 15 dias para que o prefeito de Sarandi, Walter Volpato (gestão 2017-2020), a presidente da Comissão de Licitação, Rossana Amélia Martins, e a pregoeira, Adrielli Priscila Machado, apresentem seus esclarecimentos a respeito da irregularidade apontada. Os efeitos da medida perduram até que o Tribunal decida sobre o mérito da questão. LEIA MAIS

15/02
09h40m
Bebianno tenta tirar laranjas de perto de Bolsonaro

Após passar o dia atirando para todos os lados, o ministro Gustavo Bebianno emitiu uma nota na noite desta quinta-feira, 14, tentando tirar Jair Bolsonaro da polêmica com supostos candidatos laranjas do PSL. Segundo o Uol, Bebianno afirma na nota que Bolsonaro não teve qualquer relação com as candidaturas da sigla já que “não ocupou nenhum cargo na direção do partido”. LEIA MAIS

15/02
09h25m
Duas pessoas foram vítimas de disparo de arma de fogo em Goioxim

Uma das vítimas que levou três tiros na região do tórax, havia um mandado de prisão em seu desfavor e após ser atendido e liberado pelo médico, foi conduzido a 2ª SDP de Laranjeiras do Sul. A outra vítima levou um tiro na coxa e outro no tórax. Segundo eles, estavam dentro da residência quando alguém bateu na porta, que ao ser aberta, foram surpreendidos por diversos disparos, sem condições de reconhecer os autores por motivo da escuridão no local. LEIA MAIS

14.02 - QUINTA-FEIRA
14/02
21h20m
TCE-PR pune Oscip, atual e ex-prefeitos de Fênix por irregularidades em convênio

A Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) determinou a restituição de R$ 129.802,07 ao cofre do Município de Fênix (Centro-Oeste) e o pagamento de 14 multas, que somam R$ 20.602,12, por parte do atual prefeito, Altair Molina Serrano (gestões 2009-2012 e 2017-2020); dos ex-prefeitos Edwaldo Gomes de Souza (gestão 2013-2016), Aristóteles Dias dos Santos e Mauro Marangoni (que ocuparam o cargo alternadamente entre 2006 e 2008); e da então presidente do Instituto Corpore para o Desenvolvimento da Qualidade de Vida, Crys Angélica Ulrich. LEIA MAIS

14/02
21h08m
Prefeito e secretário de Virmond têm bens bloqueados

Ambos são réus na ação, motivada por ato de improbidade administrativa pelo uso de máquinas e equipamentos do município em benefício de uma organização religiosa. Conforme a ação, o prefeito – que autorizou os trabalhos, acompanhados e fiscalizados pelo secretário – “dispôs da coisa pública como se dela fosse dono, desprezando por completo o princípio constitucional da impessoalidade”, uma vez que “ocorreu o uso de maquinário e servidores públicos para benefício de particular, comandados pelos demandados, ficando configuradas condutas ímprobas, cometidas pelos requeridos, configurando lesão ao erário”. LEIA MAIS

14/02
20h16m
Beto Richa, esposa e filho viram réus na Lava Jato por lavagem de dinheiro

A Justiça Federal aceitou, na noite de quarta-feira (13), uma denúncia por lavagem de dinheiro e tornou réus o ex-governador Beto Richa, a ex-primeira-dama Fernanda Richa, um dos filho do casal, André Richa, e o contador da família, Dirceu Puppo na Operação Lava Jato. O Ministério Público Federal (MPF) afirma que o ex-governador recebia propina das concessionárias de pedágio no Paraná. Ainda conforme os procuradores, ele lavava esse dinheiro com a compra de imóveis que eram colocados no nome da Ocaporã, Administradora de Bens. LEIA MAIS

Primeira 1 2 3 4 5  ... Última 
Fechar
Blog Central Web
O seu portal de notícias do centro do Paraná
Blog Central Web
Rua Cons. Zacarias, N 631 - Pitanga-PR
Abrangência:
Pitanga, Manoel Ribas, Nova Tebas, Boa Ventura, Santa Maria do Oeste, Turvo, Palmital, Laranjal, Mato Rico, Campina do Simão e Goioxim.